Benefícios da Macadâmia

3 de agosto de 2015

Benefícios da Macadâmia

Clique na imagem e assista a reportagem na íntegra diretamente do site G1 onde a Nutricionista Karin Honorato explica todos os benefícios da macadâmia descrito abaixo e ainda passa uma receita de queijo de macadâmia.

Benefícios da Macadâmia

O que a Nutricionista Karin Honorato explica no Vídeo:

Ela começa o vídeo dizendo que as Macadâmias são consideradas as nozes mais finas do mundo (Para muitos é a rainha das nozes).

As macadâmias possui uma grande quantidade de nutrientes, principalmente da família dos minerais, das vitaminas e das substancias fitoquímicas.  Entre os minerais recebe um destaque para o fósforo, magnésio e o cálcio, e explica que esse casamento é muito interessante para a saúde dos nossos ossos.

Fala também que a macadâmia é rica em vitaminas, em destaque para as vitaminas do complexo B: B1, B2, B3 e ácido fólico. Estas vitaminas ajudam em nosso funcionamento no metabolismo, para queimar gordura, e principalmente para o controle da fadiga e stress.

Explica também que entre as substancias ativas, possui uma quantidade variável de Polifenóis e Flavonas que também são excelentes oxidantes, assim como o Selênio e a Vitamina E.

As macadâmias são bem conhecidas no universo dos cosméticos, não só pelos nutrientes,que já foram citados, mas pela boa quantidade de gordura saudável que possui. A macadâmia possui gorduras monoinsaturadas que são muito interessante para prevenir doenças nas nossas células, e para dar um rejuvenescimento da nossa pele, e principalmente o ácido palmitoleico que é conhecido como Omega 7. Esse ácido é muito presente na pele dos bebês, por isso que fica aquela pele macia e sedosa. Mas com a idade, a gente vai perdendo esse ácido e é preciso consumir estes alimentos. Por isso a macadâmia tem este destaque.

Também não é só pela pele, mas o rejuvenescimento celular de todo o organismo, por isso as macadâmias podem ajudar também a prevenir coágulos e a diminuir as inflamações.

Várias pesquisas científicas já mostraram a sua ação pra diminuir os níveis de colesterol e triglicérides, e com isto diminuir o risco de todas as doenças cardiovasculares.

Para receber estes nutrientes, basta uma colher de sopa das macadâmias ao dia, ou uma colher de sopa bem rasa do óleo de macadâmia, que já é possível encontrar em casa de produtos naturais e assim, basta acrescentá-lo na sua salada fazendo uma boa diferença para a sua saúde.

A Nutricionista explica também que além de consumir a macadâmia e seu óleo, você pode fazer excelentes receitas com ela, e assim no final do vídeo ela ensina a preparar um queijo de macadâmia, bem fácil e muito saboroso.

Veja abaixo uma listagem dos principais benefício das Macadâmias para a saúde mencionados nesta reportagem.

Benefícios da Macadâmia:

  • Ajuda a aumentar os níveis do bom colesterol no sangue e com isto a diminuição de riscos de ataques cardíacos e de hipertensão. A Macadâmia é a fruta seca mais rica em gordura insaturada, aquela que faz bem ao coração.
  • Proporciona o rejuvenescimento do tecido facial, com sua contribuição na reposição do ácido graxo palmitoléico (Omega 7).
  • Ajuda no bom funcionamento do intestino, por possuir alto teor de fibras.
  • Contém vitaminas, minerais e proteínas que são essenciais para uma dieta saudável.
  • 0% de gordura trans.

Lembrando que seu consumo deve ser associado a uma dieta equilibrada e hábitos saudáveis.

Caso você queira conhecer toda a variedade de sabores de Macadâmia e embalagens diferenciadas da Dona Castanha clique no linque e confira: Nozes Macadâmia – Dona Castanha.

 

Macadâmia Natural Emb + Nozes G

Macadâmia Natural 400g

Mix de nozes e castanhas

As oleaginosas como a castanha-do-pará, as nozes, a castanha de caju e as amêndoas, proporcionam uma série de benefícios para a saúde quando são inseridas na alimentação. Afinal, elas são fontes de gorduras boas, as monoinsaturadas e as poli-insaturadas, que protegem o coração e tem um efeito anti-inflamatório.

De acordo com o cooperado da Unimed Paulistana, Dr. Cley Rocha de Farias, Doutor em Endocrinologia pelo Hospital das Clínicas da USP, embora sejam alimentos benéficos, alguns cuidados são necessários. “As oleaginosas possuem quantidades expressivas de proteínas, fibras, vitaminas e gordura boa que funcionam como antioxidantes, como a vitamina E, Complexo B, cobre, selênio, Ômega 3 e magnésio, por exemplo”.

As oleaginosas podem compor um lanche entre as principais refeições. É possível ingerir somente um tipo ou um mix do alimento. Segundo o especialista o recomendável é: duas nozes, uma castanha-do-pará, 4 castanhas de caju e quatro amêndoas, por porção. “Se ocorrer o exagero no consumo da castanha-do-pará, por exemplo, como é rica em selênio, pode haver uma selenose que é uma intoxicação. Portanto, o melhor é comer um pouco de cada – a variedade é o segredo”.

E se consumidas diariamente em pequena quantidade e em forma de “mix”, podem ajudar no processo de crescimento, antienvelhecimento, funcionamento das glândulas, controle hormonal e bem-estar.

Nesta reportagem da Unimed Paulistana de 03/Março/2015 é explicado o porque do benefício do mix das nozes e castanhas como um lanche entre as refeições.

Reportagem tirada do Blog Mais Viver da Unimed Paulistana. http://maisviver.unimedpaulistana.com.br/2015/03/03/beneficios-das-nozes-e-castanhas/

 

 

 

Página 4 de 41234